• descrição resumida para o site todo

X

Qual o impacto da tecnologia no mercado de trabalho?

09/11/2022 às 17:48

BUSINESS

Já se pegou pensando se as novas tecnologias podem substituir pessoas no mercado de trabalho atual? Com tantas inovações e avanços tecnológicos recentes, como a adoção da indústria 4.0, inteligência artificial e internet das coisas, especialistas estão prevendo que alguns empregos podem estar com os dias contados. Será? Saiba mais sobre as pesquisas e quais são as recomendações de profissionais experientes sobre o tema! 

Quais os impactos negativos da tecnologia no mercado de trabalho? 

A pergunta acima existe porque muita gente se questiona se o emprego que exerce atualmente vai continuar existindo no futuro, devido aos avanços tecnológicos. 

De acordo com o Valor Econômico, os empregos ameaçados são aqueles que contam com tarefas repetitivas. Isso porque podem sofrer os impactos da automação. Alguns exemplos apontados pelo estudo são: indústria, construção, transporte e armazenamento. 

A pesquisa citada no Valor Econômico afirma que os empregos com alto risco de substituição são aqueles em que os trabalhadores dedicam 75% ou mais do tempo de trabalho desempenhando tarefas que exigem habilidades parecidas com as das máquinas.  

O estudo destaca ainda que educação, saúde e serviços comunitários são atividades com menor risco de sofrerem ameaças. 

Como posso garantir o meu emprego no futuro? 

A resposta dada pelo estudo é: desenvolvendo novas habilidades.  

Esse foi, inclusive, um dos temas das palestras do Futurecom lá em 2017. “Não dá para pensar em exercer uma função só a vida toda”, explicou Rodrigo Byrro, managing director da ZRG Partners Brasil, durante o painel “As Novas Competência Profissionais com o Uso de Big Data | Analytics”.  

Para Mario Ghio, vice-presidente da Kroton, as empresas precisam de alguém pronto para aprender e que saiba trabalhar em grupo. Não alguém altamente qualificado, porque o conhecimento técnico se atualiza rápido e torna-se obsoleto. “90% das competências exigidas pelos recrutadores são socioemocionais”, afirmou Ghio. 

Já para a Simone Lima, gerente de talentos e marca empregadora da OLX, quando um conhecimento técnico específico é atrelado a um profissional, a vida útil na empresa é menor. “Procuramos pessoas que foquem em solução e não em problema”, completou ela. 

A previsão do diretor de engenharia do Google para 2029 

Ray Kurzweil, diretor de engenharia do Google, reconhecido por acertar 86% de suas previsões relacionadas à tecnologia nos anos 90, apostou em 2014 que as máquinas terão a inteligência humana em 2029.  

No discurso, ele também disse que a inteligência artificial deve transformar os seres humanos em pessoas melhores e mais inteligentes.  

Já estamos chegando muito perto do ano projetado por ele, e ferramentas como o ChatGPT e outras inteligências artificiais mostram que, se as máquinas ainda não têm a mesma inteligência que a nossa, elas estão cada vez mais perto disso. 

E aí, as informações te ajudaram ou te preocuparam? Continue navegando pelos principais temas sobre tecnologia e inovação aqui no Blog da Ligga!
Skip to content